Edição atual

v. 4 n. 6 (2017): Gênero, Educação e Humanização

O binarismo de gênero, baseado na heteronormatividade já não comporta o contexto social hodierno, sendo, na verdade, uma temeridade querer definir o universo humano em duas únicas palavras: homem e mulher. 

Organização:

Maria Cecília de Souza Minayo (FIOCRUZ)

Renan Antônio da Silva (UNESP/Araraquara)

Publicado: 2017-12-14

Edição completa

Apresentação

Artigos

Ver Todas as Edições