MÃOS QUE EXPRESSAM E A ARTE QUE SALVA: A PRODUÇÃO DE ARTE VISUAL PARA A LITERATURA SURDA

Palavras-chave: Literatura Surda. Arte Visual. Libras. Pandemia.

Resumo

A Libras (Língua Brasileira de Sinais) é a maior representação linguística e cultural da comunidade surda, cuja modalidade visual-espacial permite uma variedade significativa de expressões artísticas, entre elas a visual. O presente estudo pretende valorizar a Literatura Surda e, portanto, tem como principal objetivo a produção de uma obra de arte visual como representação cultural da comunidade surda expressa no contexto atual de pandemia, utilizando técnicas mistas sobre papel de dimensão 21,0 x 29,7 cm. A produção tem o propósito de valorizar o acervo artístico-cultural da comunidade surda brasileira, uma vez que os autores e obras existentes nessa área de conhecimento são insipientes, sendo assim, essa produção serve de incentivo à produção cultural surda, bem como, meio de divulgação de produções plásticas com temáticas voltadas aos surdos brasileiros.

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Adriana Domingos da Costa Uchoa, Universidade Federal do Tocantins - UFT

Mestra em Letras – Estudos Linguísticos em Libras; Universidade Federal do Tocantins. 

Antônio Carlos Uchoa Sales Grangeiro, Universidade Cândido Mendes - UCM

Especialista em Libras

Marcelo de Jesus de Oliveira, Universidade Federal do Tocantins - UFT

Mestre em Letras - Literatura, História e Imaginário.

Referências

BARRETO, S. M. Técnica mista. Disponível em: http://www.mennabarreto.com.br. Acesso em: 28 mar. 2020.

BERALDO, Lílian. Artistas buscam alternativas de sustento durante a pandemia. Agencia Brasil. Disponível em: https://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2020-06/artistas-buscam-alternativas-de-sustento-durante-pandemia. Acesso em: 29 jul. 2021.

KARNOPP, Lodenir Becker. Produções culturais de surdos: análise da literatura surda. Cadernos de Educação (UFPel), v. Ano 19, p. 155-174, 2010.

______. Narrativas e diferenças em produções culturais de comunidades surdas. Relatório de Pesquisa. Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ppgedu/UFRGS), 2012.

______. Literatura em língua gestual. In: KARNOPP, Lodenir; KLEIN, Madalena; LUNARDI-LAZZARIN, Márcia (Orgs.). Cultura Surda na Contemporaneidade: negociações, intercorrências e provocações. Canoas: Editora da ULBRA, 2010b.

MENNA, Barreto. Técnica mista. Disponível em: http://www.mennabarreto.com.br/2012/index.php?option=com_content&view=article&id=18&Itemid=16. Acesso em: 28 mar. 2020.

PERLIN, Gladis T. Ouvinte: o outro do ser surdo. In: QUADROS, R.M. (Org.). Estudos Surdos I. Petrópolis, RJ: Arara Azul, 2006.

QUADROS, R. M. de; SUTTON, E. Língua de sinais brasileira: Estudos linguísticos. ArtMed: Porto Alegre, 2006.

STROBEL, Karin L. História dos surdos: representações “mascaradas” das identidades surdas. In: PERLIN, G. (Orgs). Estudos Surdos II. Petrópolis, RJ: Arara Azul, 2008.

SUTTON, Spence. Poesia em língua de sinais: traços da identidade surda. In: QUADROS, Ronice (org.) Estudos Surdos I - série pesquisas. Rio de Janeiro: Arara Azul, 2003, p. 147.

______. As Imagens do Outro Sobre a Cultura Surda. Florianópolis: Ed. da UFSC, 200, p. 37.

VYGOTSKY, Lev Semenovich. Pensamento e linguagem. São Paulo: Martins fontes, 2008.

Publicado
2021-10-06
Seção
Artigos